As ferramentas tecnológicas são fundamentais para o aprendizado dos “jovens de hoje”, que usam os celulares como uma extensão do próprio corpo. Apostando nisso, um grupo de cientistas britânicos desenvolveu uma plataforma de estudos gratuita que alia neurociência, inteligência artificial e diversão para impulsionar o aprendizado dos estudantes.

Após grande adesão no Reino Unido, agora a plataforma Seneca (como o filósofo romano Sêneca, o Jovem) está acessível aos brasileiros gratuitamente. Reunindo as disciplinas dos Ensinos Fundamental e Médio – de acordo com a nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC), a ferramenta oferece revisão dinâmica e exercícios diferenciados.

“O diferencial de estudo que a Seneca proporciona está na maneira como aplicamos conceitos da neurociência de forma prática, ou seja, para favorecer realmente a forma como o cérebro aprende. Por meio de resumos, exercícios, mapas mentais, fotos, gifs e até memes, vamos criando conexões para a memória”, explica Flávia Belham, cientista chefe da Seneca.

Segundo ela, esses recursos proporcionam um aprendizado individualizado, principalmente porque o sistema faz uso da inteligência artificial. “Nosso algoritmo seleciona exercícios diferentes com base nas dificuldades demonstradas no caso de cada estudante”, completa a especialista. 

Flávia era professora da secretaria de educação do Distrito Federal antes de fazer doutorado em neurociências e aprendizagem. Hoje, ela atua ao lado dos idealizadores da ferramenta, desenvolvida em conjunto com as universidades de Cambridge e Oxford, no Reino Unido.

Ensino acessível para todos

Um dos criadores da Seneca, o CEO Stephen Wilks explica que a missão da empresa é “oferecer educação gratuita, divertida e eficaz para todos os jovens no mundo”.

É por isso que, após conquistar mais de 2 milhões de estudantes e 70 mil professores no Reino Unido, em menos de dois anos de existência, em 2019, a plataforma passou a expandir para outros países, como Brasil, México, Austrália, França e Índia.

“Nosso plano para os próximos meses é lançar ainda mais materiais gratuitos para estudantes e professores brasileiros de escolas públicas e particulares”, afirma o CEO.

Recursos gratuitos também para professores

A Seneca também conta com recursos especiais para os professores, que podem acessá-la para passar atividades de revisão e dever de casa. A plataforma corrige as tarefas automaticamente e gera estatísticas do desempenho de cada aluno.

Estudantes e professores podem acessar os conteúdos, gratuitamente, no site https://app.senecalearning.com

Encontrou sua resposta?